A inveja me levava ao desejo de destruição | Mensagem diária 11/ago

Sentia inveja justificada. Achava que era justo odiar alguém que fosse melhor do que eu ou que tivesse mais benefícios. Ao me comparar o tempo todo com os outros, competia mesmo com quem eu julgasse inferior, apenas pra fazer minha posição se estabelecer mais sólida.

Como sempre havia alguém pior do que eu ou melhor do que eu, minha necessidade de competir era obsessiva. Não percebia que era uma absurda perda de tempo porque sempre haverá estados piores ou melhores entre seres humanos. Não percebia o quanto era frustrante tentar derrubar os outros so pra me sentir melhor e acabar sempre me sentindo pior. Me sentindo mau, culpado, amedrontado com represálias.

A inveja me levava ao desejo de destruição. Inveja é uma palavra que vem do latim que significa IN VEDERE significando=não ver. Ou seja; o invejoso experimenta um sentimento tão dolorido vendo a felicidade do outro que prefere destruí-la a ter que enxergá-la.
Pesquisei minhas emoções e localizei alguns episódios em que fui destrutivo.
Em minha lista coloquei os nomes. Minha auto-estima melhorou. A angústia acabou, o medo desapareceu, e eu sequer tinha começado a praticar o passo 9!

Meditação para o dia:

Você merece uma vida de abençoada maturidade.
Descontraia-se! Solte-se! Aceite os milagres que Deus quer te dar!

Narração – Christian Simon
Edição – Anderson Cavalcante
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter