Aceitar a mudança é um processo individual | Mensagem diária 04/nar

Fui crescendo com uma auto imagem negativa e quando comecei a praticar os passos, fui me modificando e progredindo espiritualmente. Algumas mudanças aconteceram rapidamente. Modifiquei a forma como tratava meu filho e passei a vê-lo como um ser espiritual merecedor de respeito, amor, confiança e carinho. Em pouco tempo nosso relacionamento passou a ser muito alegre, leve, e gratificante. Mesmo entrando ele na adolescência, ele foi capaz de aceitar minhas mudanças e passou a ter uma imagem positiva de mim. Isso me ajudou muito porque então, eu tinha companheiros, novas amizades, e meu filho que me viam como uma pessoa melhor.

Mas nem tudo foram flores. Meus parentes jamais modificaram a imagem de garoto problema que tinham de mim. Estavam sempre aflitos procurando um vacilo meu para criticar e fazer com que eu reagisse da forma antiga. Devido a nossa proximidade eles sabiam quais botões apertar para deflagrar meu rancor, culpa; vergonha e ressentimentos. Passei anos me esforçando para progredir e manter uma imagem sadia a meu respeito; mas compreendi finalmente que sou impotente para mudar a imagem que os outros têm de mim. Aceitar a mudança é um processo individual que necessita de mente aberta e fé. Esperava avidamente que meus parentes me vissem como recuperado e conquistando uma vida melhor. Mas isso nunca aconteceu. Por mais que fosse visível como eu havia me tornado sereno, amado, próspero e bem ajustado, eu percebia a ânsia que eles tinham por proferir a sentença definitiva, e repetir a mesma frase que eu ouvi a vida toda: “… tá vendo? Eu sabia que você ia acabar fazendo alguma coisa errada pra gente ter que corrigir…”

Então percebi que me forçava a viver num ambiente que não dava mais pra mim. E me desprendi daquele meio. Me soltei. Me concentrei num plano de desligamento emocional. Eu me sentia como um leproso curado que tinha que retornar à colônia e me expor novamente à doença. E um dia, abandonei a colônia.
No início sentia muita culpa por ser feliz e parar de tentar recuperar meus parentes de sua miséria. Até que me convenci de que só pode ser curado aquele que deseja a cura. Para eles é mais seguro não mudar. Então foi preciso que eu rompesse com as crenças falsas acerca da minha imagem e acerca da pessoa melhor que me tornei.

Meditação para o dia:
Hoje começarei a romper a cadeia entregando minha vida aos cuidados de Deus!

Narração – Christian Simon
Edição – Antônio Leal
Produção – Marta Lima

© Videobes 2017

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter