Não acobertamos as falhas dos outros – 7ª Tradição @ Meditações
  • 2 dias Atrás

Ludmila veste Casual Street (www.casualstreet.com.br) e usa Zau Bijoux, acervo Juliana Olivieri (Instagram: @ferreirajux) Intérprete - Ludmila Olivieri Direção - Christian Simon Edição

Devo cumprir com minhas responsabilidades – 7ª Tradição @ Meditações
  • 2 semanas Atrás

Quando despertamos para a vida espiritual, é bastante comum desenvolvermos repugnância pela soberba alheia. E seguimos com um certo desprezo

Gratidão – 7ª Tradição @ Meditações
  • 3 semanas Atrás

Eu não compreendia por que não podia mandar em mim mesma. Por que sempre tinha que ouvir chateação de parentes?

Cada macaco no seu galho – 6ª Tradição @ Meditações
  • 4 semanas Atrás

Se como grupo endossarmos outros projetos, não ajudaremos a proteger nossa identidade de grupo. Da mesma forma se eu me

Sou o capitão da minha alma – 6ª Tradição @ Meditações
  • 1 mês Atrás

Como grupo não devemos apoiar outras associações para que não desviemos de nosso propósito primordial mas como indivíduo eu posso

Disposição para mudar – 6ª Tradição @ Meditações
  • 1 mês Atrás

Como grupo jamais devemos emprestar nosso nome para outros empreendimentos. Imagine a confusão se publicassem que nossos grupos apoiam tal

Revendo nossos valores – 6ª Tradição @ Meditações
  • 2 meses Atrás

A 6ª Tradição de AA diz: 6. Nenhum Grupo de A.A. deverá jamais sancionar, financiar ou emprestar o nome de A.A.

Não adianta oferecer soluções – 5ª Tradição @ Meditações
  • 2 meses Atrás

É sempre de cortar o coração quando recebemos recém-chegados com múltiplos problemas além do vício. Pessoas que destruíram sua saúde

Ser independente é se sustentar – 5ª Tradição @ Meditações
  • 2 meses Atrás

A base de ser independente é se auto sustentar. E por que as pessoas lutam tanto pra ser independentes quando

Oração e Meditação – 5ª Tradição @ Meditações
  • 2 meses Atrás

E lá estava eu há algumas 24 horas atrás. Frequentando os grupos me sentindo quase uma santa por me sacrificar

Sucesso e Realizações – 5ª Tradição @ Meditações
  • 2 meses Atrás

A 5ª Tradição de AA diz: 5. Cada Grupo é animado de um único propósito primordial - o de transmitir sua

Armas na Autodescoberta – 4ª Tradição @ Meditações
  • 3 meses Atrás

Nos tempos de ativa eu vivia com medo de tudo e de todos. Medo do que pensavam sobre mim. Se

Mente aberta – 4ª Tradição @ Meditações
  • 3 meses Atrás

A tradição 4 com sua excessiva liberdade pode dar a impressão que qualquer erro pode ser cometido e passar em

Aceitação dos sentimentos com aperfeiçoamento e controle das emoções – 4ª Tradição @ Meditações
  • 3 meses Atrás

Sempre me sentia nervosa no meio de pessoas. Sempre me sentia responsável pelo desconforto ou má conduta de outrem. Frequentando

Desprendimento da postura de acusadores e mártires – 4ª Tradição @ Meditações
  • 3 meses Atrás

Quando eu vivia com os vícios, não percebia que um deles era me colocar na postura de acusadora e mártir.

Crescimento Espiritual – 4ª Tradição @ Meditações
  • 4 meses Atrás

A TRADIÇÃO 4 de AA diz: 4. Cada Grupo deve ser autônomo, salvo em assuntos que digam respeito a outros

Livre da ira – 3ª Tradição @ Meditações
  • 4 meses Atrás

Eu achava muito difícil praticar amor aceitação e tolerância com pessoas que eu detestava. O que eu não compreendia é

Livre da fuga – 3ª Tradição @ Meditações
  • 4 meses Atrás

Eu tinha tanto medo. Medo de tudo. Medos irracionais. Medo de pessoas. Medo da insegurança financeira. Minha fé era muito

Felicidade! – 3ª Tradição @ Meditações
  • 4 meses Atrás

Foi uma felicidade encontrar um grupo que me aceitava, me compreendia e tinha compaixão de meu sofrimento. Foi fazendo parte de

Rompendo a cadeia – 3ª Tradição @ Meditações
  • 5 meses Atrás

A 3ª Tradição de AA diz: 3. Para ser membro de A.A., o único requisito é o desejo de parar de

Rompendo a cadeia – 2ª Tradição @ Meditações
  • 5 meses Atrás

A 3ª Tradição de AA diz: 3. Para ser membro de A.A., o único requisito é o desejo de parar de

Auto-imagem – 2ª Tradição @ Meditações
  • 5 meses Atrás

A 2ª Tradição me beneficiou muito no convívio em grupo. Aprendi a considerar com equilíbrio que posso servir sem dominar

Facebook
Twitter