Com a evolução espiritual alguns desejos perderam importância | Mensagem diária 30/nov

Um amigo em recuperação há quase 30 anos me contou que no início ele se sentou para escrever seu inventário; mas em vez disso, começou a descrever tudo o que desejava da vida e se sentia indigno de obter. Ele me contou que se imaginou no futuro com tudo o que queria ser e ter e fez uma trajetória de trás pra frente de todas as ações que seriam necessárias para que ele obtivesse o sucesso que desejava.
Ele era preguiçoso e detestava trabalhar para os outros, mas; queria ser independente e dono de suas escolhas, então não havia muita alternativa além de trabalhar 35 anos e então desfrutar da aposentadoria e fazer tudo o que não tinha tempo nem dinheiro.
Como ele começara ainda muito jovem, teria muita energia para desfrutar de seu prêmio depois de todos os anos de trabalho. Ele se apaziguou, aceitou sua realidade e fez o melhor que pode com a ajuda dos passos.
Ao longo das décadas, como ele ia evoluindo em sua maturidade espiritual grande parte de seus desejos mundanos perderam importância. Mas seu desejo de autossuficiência permanecia e ele prosperou. Deixou de trabalhar para os outros e teve seus próprios empreendimentos. Teve dias difíceis, mas conseguiu manter sua perspectiva de sobriedade.
Perguntei a ele se tinha chegado a um final feliz de um projeto tão longo e ele me respondeu que nem tudo saiu como ele havia planejado. Porque algumas coisas saíram muito melhores do que ele havia sonhado. E o melhor ainda está por vir.

Meditação para o dia
Quanto mais dependemos de Deus mais autossuficientes nos tornamos.

Narração – Christian Simon
Edição – Tuco Silva
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter