Consegui me reconciliar com o desligamento emocional através da Tradição 11 | Mensagem diária 07/mar

Ainda lembro bem das confusões de família. Das brigas, da violência, dos gritos, do clima de ódio, raiva e ressentimento. Queria tanto que aquilo acabasse. Mas não tinha esse poder. Não tenho esse poder. Jamais terei poder sobre o desejo de outrem. Queria tanto poder mudar os outros. Chantagem e manipulação funcionam por um tempo, até que não funcionam mais. Não tenho poder de resgatar qualquer pessoa.
A não ser que ela queira.
Então a única coisa que me resta é mudar a mim mesmo.
Ser o capitão de minha própria alma e fazer as escolhas que são boas para mim.
Eu não mereço um ambiente conturbado. Posso sair dele a hora que eu quiser. No meu caso, levei décadas para me afastar de gritaria e construir uma vida sadia e um ambiente harmonioso, alegre e próspero.
Consegui me reconciliar com o desligamento emocional através da Tradição 11, que diz que nossos grupos levam a mensagem pela atração e não pela promoção.
Eu queria promover bem estar, mas finalmente compreendi que só posso trabalhar na minha vida e gerar um bom exemplo e é possível que isso desperte o desejo de outros também terem uma vida sadia. Por isso os passos estão escritos no tempo pretérito, porque eles são a resposta para a pergunta:
“O que vocês fizeram para ter uma vida boa?”
No Passo 3, nós entregamos nossa vida e nossa vontade aos cuidados de Deus.
Investigando a nós mesmos, vamos descobrindo se precisamos cortar o rabo do peixe; ou não.

Meditação para o dia
Hoje vou ignorar os maus exemplos que conheci, não preciso repetir o que não deu certo, e vou descobrir novos caminhos pra me comportar, pra resolver problemas contando com a ajuda de Deus.

Narração – Christian Simon
Edição – Antônio Leal
Produção – Marta Lima

© Videobes 2017

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter