Em recuperação, meu empenho foi o desligamento emocional | Mensagem diária 11/dez

Quando crianças nossas escolhas são limitadas.
Dependemos dos adultos e quando crescemos em famílias disfuncionais, nunca podemos dizer o que sentimos sem que isso seja usado contra nós mesmos.
Quando adultos se formos capazes de construir vidas independentes e autossuficientes, começamos a ter o privilégio da escolha.
Em recuperação, meu empenho foi o desligamento emocional, a superação dos ressentimentos, e a libertação para decidir o que é melhor para mim.
Hoje me sinto confortável ao escolher o grau de envolvimento que desejo ter com meus parentes. Construir uma vida distante de meus parentes pode depor negativamente contra minha imagem. Mas essa é uma escolha que me pertence e a ninguém mais. Também posso escolher me manter distante de qualquer coisa ou qualquer pessoa que considero prejudicial ou perverso comigo. Não preciso mais ser aquele filho daquela família. Não preciso mais ser aquela criança que tinha aquele papel. Hoje sou eu quem escreve meu roteiro. Sou eu quem escolhe a minha cerca e a maneira com que mantenho minha integridade.
Meu despertar espiritual prospera. E pratico os princípios em todas as minhas atividades.

Meditação para o dia
Sou livre para escolher. Minhas escolhas são destituídas de medo, vergonha ou culpa.

Narração – Christian Simon
Edição – Tuco Silva
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter