Foi possível ver que cometo erros como qualquer ser humano | Mensagem diária 29/set

Quando comecei a exercitar as reparações, ficou mais fácil exercer o perdão.
Foi possível ver que cometo erros como qualquer ser humano, e que cometem erros comigo. Quando me liberto de situações negativas, que sofro ou que imponho eu me torno mais consciente do meu crescimento espiritual e vou adquirindo qualidades importantes para a manutenção da minha sobriedade, como: assertividade, paciência, força, coragem e começo a perceber o que significa misericórdia.
Quando vejo o quanto as pessoas são emocionalmente imaturas, espiritualmente despreparadas, e ignorantemente doentes; consigo sentir pena dessas pessoas porque sei por experiência própria que essas pessoas vão continuar batendo a cabeça na parede e se machucando até se renderem.
Depois de se renderem pelo despertar; vão trilhar um longo caminho rumo a maturidade espiritual e provavelmente vão passar pelos mesmos desafios que passei.
Isso para aqueles que despertarem. Chances há de alguns sequer terem a oportunidade de conhecer o despertar.
Essa é mais uma forma de reparação. Cada pessoa, conhecida ou desconhecida que me pedir ajuda, sou responsável por transmitir de graça o que me foi dado de graça.
Toda vez que consigo ajudar alguém: este nada vai me dever em troca. Meu ganho será essa reparação com o universo e um sentimento de que tudo está bem e o universo saiu do caos e se dirige para a ordem. Essa forma mais abstrata de perdão e reparação vai nutrir a minha fé de que quanto mais dou para a vida mais a vida me dá.

Meditação para o dia
O mais alto perdão é aquele que conseguimos sinceramente conosco mesmos!

Narração – Christian Simon
Edição – Anderson Cavalcante
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter