Me aproximava dos outros procurando o que poderiam me dar | Mensagem diária 11/out

Ainda é um mistério para mim o fato de que ajudar outras pessoas me confira tantos benefícios.
Por isso sempre vou precisar do inventário diário. Fazendo meu inventário diário consigo uma perspectiva sadia da minha conduta.
Jamais serei perfeito.
Mas gosto da perspectiva de ser melhor a cada dia e buscar progresso espiritual em vez de perfeição.
Meu inventário diário é muito simples. Sempre começo com a revisão das atividades que tive no dia, e então começam a surgir as emoções.
Tenho pouco tempo, mas sempre consigo reservar a primeira hora da manhã para mim mesmo. Essa prática sustenta minha vida.
No passado eu me aproximava das pessoas sempre procurando o que elas poderiam me dar ou acrescentar em minha vida. Se eu achasse que determinada pessoa seria um fardo pra mim ou uma perda de tempo porque eu não lucraria nada; imediatamente me afastava.
Foi uma grande novidade me aproximar das pessoas para oferecer algo.
Sim; sempre com critério. Sempre respeitando o desejo da pessoa de querer ser ajudada; ou não.
Mas minha revisão diária vai me permitindo descobrir novas maneiras; grandes ou pequenas; passageiras ou definitivas; de servir a outros seres humanos, sem esperar nada em troca.
Faço parte da raça humana, e se quiser permitir Deus na minha vida, devo me aproximar das pessoas, porque Deus trabalha através das pessoas.

Meditação para o dia
Dar desprendido. Foi o grande segredo da plenitude de São Francisco!

Narração – Christian Simon
Edição – Tuco Silva
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Top do Mês
Facebook
Twitter