O manto do anonimato me protege de um ego doente e negativo | Mensagem diária 28/nov

Minha crescente fé foi me permitindo ter aceitação com os desdobramentos dos acontecimentos.
Vou descobrindo meus defeitos de caráter e vou pedindo a Deus que os remova. Porque Deus tem esse poder.
Uma vez liberto de minhas obsessões e medos, começo a usufruir das coisas lindas da vida. Sigo com humildade porque perdi o desejo de glória e aplausos que eu considerava tão importantes para me sentir amado. O manto do anonimato me protege de um ego doente e negativo. E porque estou amparado por minha fé sempre recupero a estabilidade. E sigo em paz, independente da histeria coletiva de medo e crise, sei que posso desfrutar dos momentos de relaxamento e riso na companhia das pessoas que amo. E esse círculo de pessoas do bem vai aumentando com o passar dos anos. Meus ressentimentos e angústias vão ficando apenas um pensamento de experiência passada e olho para o futuro com confiança.
Continuo praticando o passo 11 e vivo cada dia com a alegria da cura e da recuperação. É maravilhoso me sentir bem, amado e rico. Não importa que idade atingi e que de fato envelheci, ou quanto dinheiro tenho no banco.
O que sou hoje me basta. E o que tenho me sobra.

Meditação para o dia
Quanto mais fortaleço minha fé, mais sabor e beleza usufruo da vida.

Narração – Christian Simon
Edição – Tuco Silva
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter