O que NÃO DEVO, é prejudicar outros, pelo que EU sinto. | Mensagem diária 29/ago

Fui educado para disfarçar meus sentimentos.
Conforme o grau de destrutividade coletiva, aprendi até mesmo a negar meus sentimentos. Era muito feio sentir raiva, ódio, ressentimento, inveja então; era o fogo do inferno!
Sim meus pais e adultos que me orientavam estavam certos em exercer um controle sobre meus instintos humanos. É insuportável uma criança que não aprende a ter autocontrole ou que não tem noção de civilidade e harmonia coletiva.
Não é culpa dos meus pais. Eles também não sabiam que sentir o que sentimos é impotente para os outros. Eu posso SENTIR TUDO o que eu quiser. Raiva inveja ódio.
O que NÃO DEVO, é prejudicar outros, pelo que EU sinto.
Certamente meus pais não sabiam que negar sentimentos é uma maneira desastrada de educar uma criança.
Nunca pude quebrar vidros ou fazer uma sessão de gritos para dar vazão aos meus sentimentos. Foi preciso me tornar adulto e encontrar um programa de 12 passos, para lidar melhor com meus sentimentos antes que estes envenenem a outros ou a mim mesmo. Comecei a praticar corrida natação e muitas outras técnicas que aprendi nas reuniões.
Eu não sabia que tinha O DIREITO de sentir o que quer que fosse. Sofri muitos anos com esse engasgo de não sentir o que sentia.
Por isso coloquei a mim mesmo na lista de pessoas a fazer reparações. Ao invés de sentir pena de mim comecei a sentir tudo o que nunca tive permissão pra sentir. E lidar sadiamente com meus sentimentos.

Meditação para o dia
Solte-se nas mãos de Deus e tudo o que precisar saber, virá ao seu conhecimento!

Narração – Christian Simon
Edição – Anderson Cavalcante
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter