Você não tem o poder de mudar o outro | meditação 23 julho

Logo no início de minha recuperação, me sentia tão feliz e sadio e tudo começou a dar certo e estava firme no propósito de permitir que Deus removesse meus defeitos, ou qualquer comportamento negativo que me atrapalhava.
Com essa mudança drástica em minha vida, parei de fazer o papel de vítima, dependente, imaturo, impaciente, intolerante, mas percebi que as pessoas com quem eu me relacionava, não estavam dispostas a mudar.
De repente, meus “amigos” não precisavam mais me socorrer, quando eu não me encrencava, meus pais não precisavam mais me dar dinheiro, meus irmãos não representavam mais agressores que me faziam de vítima, cônjuges não mais me manipulavam pela vergonha de inventar desculpas por mim.
De repente, eu não devia mais NADA a NINGUÉM.
E isso trouxe grande tumulto em minha vida. Porque meus antigos relacionamentos não estavam dispostos a mudar com facilidade. Muito pelo contrário; alguns deles tentaram com fúria reaver seu refém. Dessa forma, foi necessário fazer um inventário e decidir quais relacionamentos eu queria manter e quais eu queria desfazer.
Foi muito duro, mas permaneci firme no propósito de ter uma vida independente, liberta; e aqueles que se recusaram a me tratar com respeito simplesmente começaram a ficar de fora da minha vida. No começo lentamente, e com o passar do tempo algumas relações se perderam pra sempre.

Meditação para o dia
Você não tem o poder de mudar o outro, mas tem o livre arbítrio de se recusar a fazer o que o outro acha que tem direito de querer que você faça.
Ore sempre pela coragem de romper com o mal.

Narração – Christian Simon
Edição – Anderson Cavalcante
Produção – Marta Lima

© Videobes 2016

Na Categoria Meditações
Assista Também

Deixe seu comentário

Facebook
Twitter